Quarta, 22 de maio de 2019
51993949307
Geral

13/05/2019 às 13h26 - atualizada em 13/05/2019 às 13h49

Redação

Porto Alegre / RS

Moro diz que não estabeleceu ‘condição para assumir ministério’
Em uma palestra na manhã desta segunda-feira (13) em Curitiba, o ministro Sergio Moro (Justiça) disse que aceitou integrar o governo de Jair Bolsonaro em razão de “uma convergência de pautas” com o presidente.
Moro diz que não estabeleceu ‘condição para assumir ministério’

“Não vou receber um convite para ser ministro estabelecendo condição sobre circunstâncias do futuro que não se pode controlar”, disse Moro, se referido a fala de Bolsonaro sobre sua possível indicação ao STF (Supremo Tribunal Federal).



Moro disse ainda “querer trabalhar contra a corrupção, crime organizado e crime violento. Houve uma convergência de pautas”.


MInistro Sergio Moro participou nesta manhã do Congresso Nacional de Macrocriminalidade e Combate à Corrupção.


Ontem, em entrevista à rádio Bandeirantes, Bolsonaro disse ter assumido um compromisso com Moro para indicá-lo para uma vaga no STF (Supremo Tribunal Federal). “Eu fiz um compromisso com ele, porque ele abriu mão de 22 anos de magistratura. Eu falei: ‘A primeira vaga que tiver lá [no STF], está à sua disposição’”.



“A primeira vaga que tiver, eu tenho esse compromisso com Moro, e se Deus quiser nós cumpriremos esse compromisso. Acho que a nação toda vai aplaudir um homem desse perfil lá dentro do STF”, acrescentou o presidente.

FONTE: Catraca Livre

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium