Violência

Criança fardada segura arma de brinquedo no colo de Bolsonaro

O artigo 26 do Estatuto de Desarmamento proíbe fabricação, venda, comercialização e importação de brinquedos, réplicas e simulacros de armas de fogo

11/10/2019 14h34Atualizado há 5 dias
Por: Folha
Foto Reprodução
Foto Reprodução

Jair Bolsonaro faz questão de reafirmar a todo momento a vocação violenta desse governo. Durante solenidade de formatura de sargentos da Polícia Militar (PM) de São Paulo, nesta sexta-feira (11), ele segurou no colo uma criança com uma arma de brinquedo na mão. Bolsonaro, como não poderia ser diferente, fez sinal de aprovação.

Apesar da frequente troca de farpas, o presidente ficou ao lado do governador de São Paulo, João Doria, no palanque. Além deles, estava Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente. Aplaudido, Bolsonaro tirou “selfies” com policiais e seus familiares.

O artigo 26 do Estatuto de Desarmamento proíbe fabricação, venda, comercialização e importação de brinquedos, réplicas e simulacros de armas de fogo.

Inquérito

Durante a cerimônia de comemoração da Revolução Constitucionalista, em 9 de julho, várias crianças fardadas mostraram armas de brinquedo.

Na oportunidade, o Ministério Público de São Paulo decidiu abrir inquérito civil, com o objetivo investigar o uso de réplicas de armas de fogo por crianças.

1comentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias