Sexta, 14 de Agosto de 2020
51993949307
Geral Guerra

Irã deve atacar Dubai e Haifa em caso de reação dos EUA

Até o momento, a Casa Branca ainda não emitiu nenhuma declaração oficial a respeito do contra-ataque iraniano. Tampouco o fizeram Israel e Emirados Árabes

08/01/2020 09h18
Por: Folha Fonte: Revista Forum
Arquivo Web
Arquivo Web

Em uma mensagem publicada em seu Twitter, o jornalista estadunidense Richard Engel, chefe dos correspondentes estrangeiros do canal NBC, alertou sobre como o Irã está preparado para uma escalada ainda maior de ataques caso os Estados Unidos resolvam fazer um uma retaliação ao contragolpe desta terça-feira (7).

Segundo Engel, “o Irã ameaça com uma escalada em massa. Atacar mais bases no Iraque, para ajudar o Hezbollah, liberar milícias xiitas no Iraque, além de atacar Israel e Dubai. Deixa claro que está pronto para uma campanha generalizada, se a tensão aumentar, com uma resposta dos Estados Unidos”.

Continua depois da publicidade

Coincidindo com esta mensagem, a Guarda Revolucionária do Irã (GRI) lançou um comunicado minutos depois do ataque desta terça, dizendo que “nunca vai separar o ‘regime sionista’ dos crimes cometidos pelos Estados Unidos (…) e o regime sionista igualmente responsável pelo assassinato do general Soleimani”. Vale lembrar que o ataque desta terça foi uma resposta ao assassinato do general iraniano Qassem Soleimani, em ataque dos Estados Unidos no dia 2 de janeiro, com autorização do presidente Donald Trump.

Continua depois da publicidade

Até o momento, a Casa Branca ainda não emitiu nenhuma declaração oficial a respeito do ataque iraniano. Tampouco o fizeram Israel e Emirados Árabes, a partir da revelação de Engel.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias