Quinta, 01 de Outubro de 2020
51993949307
Geral BBB20

Vídeo: Mulheres enquadram bolsonarista Hadson por machismo no BBB

Circula nas redes vídeo onde ele humilha um torcedor. Além de bolsonarista, Hadson já foi processado por violência doméstica

03/02/2020 14h06
Por: Folha
Arquivo Web
Arquivo Web

As mulheres participantes da atual edição do reality show da TV Globo, Big Brother Brasil, se uniram e deram uma lição no participante chamado Hadson Nery.

“Aproveita quando você sair e assiste todos os vídeos e aprende a ser um pouquinho menos machista”, disse uma das participantes a ele.

Continua depois da publicidade

Independente se você assiste o BBB ou não, esse é um recado pro mundo: reveja seus atos para aprender a ser um pouquinho menos machista.

Continua depois da publicidade

As mulheres dessa edição se uniram e deram um recado pro Hadson. Quem acompanha sabe que mais gente deveria ter ouvido esse papo reto da Rafa.

Humilhou torcedor

Circula nas redes há algumas semanas um vídeo onde Hadson Nery, que também é ex-jogador de futebol e apoiador do presidente Jair Bolsonaro, faz tortura psicológica e humilha um torcedor de um time rival.

Continua depois da publicidade

No vídeo, Nery obriga o torcedor a ajoelhar e pedir desculpas por algo que ele teria feito. Na sequência, ele rasga a camisa que o homem veste. O ex-jogador também obriga o torcedor a tirar o short.

Bolsonarista e agressor de mulher

Continua depois da publicidade

Hadson chegou a jogar pelo Corinthians e depois foi para outros países. Já morou em sete lugares diferentes e foi casado por 15 anos. Ele tem dois filhos.

Em 2018, ele foi denunciado pela ex-mulher. No sistema do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, onde o caso foi registrado, o processo é qualificado como contravenções penais e violência doméstica contra a mulher.

Além disso, apoiou a candidatura do presidente Jair Bolsonaro, o que também tem provocado a crítica de internautas e espectadores do BBB.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias