Weintraub

Janaina Paschoal defende Weintraub: incompetência não é razão para Impeachment

Logo em seguida aos comentários de Janaina, a jornalista Barbara Gancia escreve: “A senhora é desprezível”

07/02/2020 14h37Atualizado há 2 meses
Por: Folha
Arquivo Web
Arquivo Web

A deputada estadual, Janaina Paschoal (PSL-SP), resolveu reagir ao pedido de impeachment que corre no Congresso contra o ministro da Educação, Abraham Weintraub, por “eloquente ineficiência do ministro”.

Em linguagem empolada, conhecida como “juridiquês”, a autora do impeachment de Dilma Rousseff afirma, nesta quinta-feira (6), pelo Twitter, que “eventual ineficiência não se confunde com crime de responsabilidade”, escreve, sem negar a incapacidade administrativa de Weintraub.

“A exordial, salvo melhor juízo, também confunde os crimes de responsabilidade isoladamente passíveis de serem atribuídos aos Ministros de Estado e aqueles passíveis de serem praticados em conexão com os do Presidente da República”, afirma a deputada.

Com chave de ouro, Janaina encerra afirmando ser “imperioso lembrar que sequer para os eleitos existe o instituto do recall. Impeachment tem a ver com crime de responsabilidade, não com insatisfação, indignação, ou incompetência”.

Logo em seguida aos comentários de Janaina Paschoal, a jornalista Barbara Gancia comenta: “A senhora é desprezível”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas