Bolsonaro

Coronavírus: Bolsonaro diz que remédio pode ser 'mais danoso que o próprio vírus'

'A dose do remédio não pode ser excessiva de modo que o efeito colateral seja mais danoso do que o próprio vírus' afirmou Jair Bolsonaro na manhã desta segunda-feira (23)

24/03/2020 12h30
Por: Folha
Fonte: Brasil 247
Arquivo Web
Arquivo Web

Jair Bolsonaro voltou a criticar governadores e afirmou que medidas “excessivas” adotadas nos estados para conter a pandemia do novo coronavírus poderão apresentar efeito colateral “danoso”, na manhã desta segunda-feira (23) na saída do Palácio do Alvorada. A informação é do portal G1. 

Quanto a MP que permite a suspensão de pagamento de salários aos trabalhadores brasileiros por 4 meses, Bolsonaro afirmou que se trata de uma forma de “preservar empregos”, aponta a reportagem. 

“A vida das pessoas está em primeiro em lugar. Agora, um detalhe: a dose do remédio não pode ser excessiva de modo que o efeito colateral seja mais danoso do que o próprio vírus. Esse é o cerne da questão”, disse Jair Bolsonaro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas