Quarta, 27 de Maio de 2020
51993949307
Geral Treta no Planalto

Mandetta chama Bolsonaro de ‘adolescente’ e desafia: ‘se quiser que eu saia, me demita’

Luiz Henrique Mandetta está enfurecido com a troca de temperamento de Bolsonaro e fontes confirmaram que ele mesmo quer se demitir depois do constrangimento causado pelo presidente

06/04/2020 18h07 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: Com informações da Revista Veja
De máscaras, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta Foto: Pablo Jacob / Agência O Globo
De máscaras, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta Foto: Pablo Jacob / Agência O Globo

Segundo a Revista Veja, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, balançou forte nesta segunda-feira, 6, mas não irá cair, ao menos por ora. O presidente Jair Bolsonaro já tinha se decidido pela exoneração do principal nome do governo no combate ao coronavírus, mas no final da tarde foi convencido por militares, como os ministros Walter Braga Netto (Casa Civil) e Luiz Eduardo Ramos (Governo), de que a melhor decisão seria manter o ministro por enquanto.

A possibilidade de exoneração de Mandetta, no entanto, continua forte. O deputado federal Osmar Terra, ex-ministro da Cidadania, a imunologista e oncologista Nise Yamaguchi, diretora do Instituto Avanços em Medicina, e o diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres, são apontados como favoritos a ocupar o cargo. Terra, inclusive, já teria ligado para os governadores para anunciar a decisão do presidente.

Já Mandetta, que é deputado federal reeleito, está se sentindo constrangido com a postura de Bolsonaro e fontes revelam que ele está se sentindo esgotado e sozinho no cargo de ministro, querendo retomar o mandato na Câmara dos Deputados.

Um assessor especial do ministério da saúde disse que Mandetta chamou Bolsonaro de “adolescente” e que desafiou o presidente a tirá-lo do cargo: “sou uma das poucas esperanças que ele tem, se ele quiser que eu saia, que me demita”, teria dito o ministro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias