Terça, 29 de Setembro de 2020
51993949307
Geral Paulo Guedes

Guedes rejeita ampliar auxílio de R$ 600: ''aí ninguém trabalha, porque a vida está boa''

Eis o nível do governo

20/05/2020 13h51
Por: Folha Fonte: Conversa Afiada
Arquivo Web
Arquivo Web

O ministro da Economia de Jair Bolsonaro, Paulo Guedes, falou sobre a possibilidade de estender a concessão do auxílio emergencial, voltado principalmente a trabalhadores informais, por um ou dois meses. O governo, defende que o valor de R$ 600 seja cortado para R$ 200.

“Se voltar para R$ 200 quem sabe não dá para estender um mês ou dois? R$ 600 não dá”, disse Guedes em reunião com empresários na terça-feira 19/V. “O que a sociedade prefere: um mês de R$ 600 ou três de R$ 200? É esse tipo de conta que estamos fazendo. É possível que aconteça uma extensão. Mas será que temos dinheiro para uma extensão a R$ 600? Acho que não”, afirmou o ministro.

Continua depois da publicidade

“Se falarmos que vai ter mais três meses, mais três meses, mais três meses, aí ninguém trabalha. Ninguém sai de casa e o isolamento vai ser de oito anos porque a vida está boa, está tudo tranquilo. E aí vamos morrer de fome do outro lado. É o meu pavor, a prateleira vazia”, completou o ministro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias