Segunda, 10 de Agosto de 2020
51993949307
Geral Jornal Nacional

Vídeo - JN faz cobertura do depoimento de Flávio Bolsonaro, acusado de receber informações privilegiadas sobre Queiroz

Assista ao vídeo abaixo

21/07/2020 04h08
Por: Redação Fonte: G1
Vídeo - JN faz cobertura do depoimento de Flávio Bolsonaro, acusado de receber informações privilegiadas sobre Queiroz

O filho do presidente e senador  Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ)  prestou depoimento ao Ministério Público Federal, nesta segunda-feira (20), sobre o  suposto vazamento de informações de uma operação da Polícia Federal (PF) para ele.

Paulo Marinho afirma que Flávio recebeu informações antes da operação acontecer, em meados de outubro, e, por isso, tenha demitido o então assessor Fabrício Queiroz de seu gabinete na Alerj. 

Continua depois da publicidade

O empresário, que é ex-aliado da família Bolsonaro, também alega que a operação foi adiada para não gerar repercussões negativas para Jair Bolsonaro na disputa do segundo turno das eleições.

Apesar de negar o vazamento , Flávio admitiu que houve um encontro entre ele, Paulo Marinho e advogados em dezembro de 2018. O empresário afirma que foi nesse encontro que o senador lhe admitiu o vazamento. O filho do presidente nega que o assunto tenha sido abordado.

Continua depois da publicidade

O procurador Eduardo Benones, que ouviu o testemunho de Flávio, diz que “Ele confirmou que esteve nessa reunião no dia 13. O que ele está negando é que nessa reunião o [advogado] Victor Granado, segundo o depoimento do senhor Paulo Marinho, teria contado como se deu o vazamento". 

"Embora afirme que tenha estado na reunião de 13 de dezembro, ele negou que tenha tido qualquer tipo de conversa sobre a operação", relata o procurador. "Isto é que o que senador contradisse o senhor Paulo Marinho”.

Assista:

Continua depois da publicidade

Por favor, clique aqui e se inscreva no nosso canal no YouTube. Precisamos fortalecer nossa luta contra o governo fascista de Bolsonaro.

Continua depois da publicidade

Seja um apoiador do nosso trabalho. Contribua com uma assinatura mensal de R$9,90 CLICANDO AQUI. Vamos fortalecer nossa luta contra esse governo corrupto e genocida. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias