Quarta, 05 de Agosto de 2020
51993949307
Geral Reforma

Reforma de Bolsonaro e Guedes reduz imposto de carro de luxo e aumenta o de escolas, diz ex-chefe da Receita

Ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel critica a proposta de reforma tributária do governo

31/07/2020 13h09
Por: Folha Fonte: DCM
Arquivo web
Arquivo web

Ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel critica a proposta de reforma tributária do governo. Para ele, o texto aumenta impostos sobre escolas para aliviar a carga sobre “carros de luxo”, em referência à diferença de tributação entre setores do projeto.

Como o senhor avalia a proposta do governo para a reforma tributária? Primeiramente, vou reproduzir a frase dita ontem por Delfim Netto: é um equívoco tratar de reforma tributária antes de reforma administrativa. Subscrevo a frase. Em segundo lugar, é incompreensível estar discutindo essas coisas quando nós temos, próximo, uma crise apocalíptica, envolvendo emprego, envolvendo problemas empresariais, problemas fiscais, dos estados e municípios. O mundo inteiro está lidando com o assunto e estamos nos divertindo com projetos de reforma tributária.(…)

Continua depois da publicidade

Há risco de aumento da carga tributária? Ele (o governo) faz a seguinte argumentação: realmente tem aumento de carga tributária para empresas de serviços que estão no regime cumulativo. Entretanto, é só para 10% das empresas, porque 90% estão no Simples (Nacional). Como você me avaliaria se eu dissesse a seguinte frase?: ‘Dos infectados pela Covid, apenas 10% morrem’. Se a carga tributária é constante, alguma coisa (setor) cai, e quem cai é quem está na ponta da indústria. Estão aumentando a carga tributária da escola e diminuindo a do carro de luxo.

(…)

Continua depois da publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias