Quarta, 28 de Outubro de 2020
51993949307
Política Damares

Advogados pedem que Justiça Federal obrigue Damares a explicar nomeação de Sara Winter para cargo ministerial

A ação pede que a ministra Damares Alves explique as atividades exercidas pela extremista de direita e também cobra explicações do secretário executivo do ministério, Sergio Luiz Carazza

24/09/2020 20h55
Por: Redação Fonte: Brasil 247
(Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil | Geraldo Magela/Agência Senado)
(Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil | Geraldo Magela/Agência Senado)

 O Coletivo de Advocacia em Direitos Humanos – CADHu apresentou à Justiça Federal nesta quinta-feira, 24, uma uma ação que obriga Damares Alves a explicar a nomeação de Sara Winter no cargo (que exerceu no ano passado) de Coordenadora da Coordenação Geral de Atenção Integral à Gestante e à Maternidade do Departamento de Promoção da Dignidade, da Mulher da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

A ação pede que Damares explique as atividades exercidas pela extremista de direita e também cobra explicações do secretário executivo do ministério, Sergio Luiz Carazza. Pede ainda a apresentação de provas sobre os critérios técnicos utilizados para a nomeação de Sara. A ativista de extrema-direita é investigada por organização de atos contra o Supremo Tribunal Federal (STF) tendo sido presa no início deste ano.

Por favor, clique aqui e se inscreva no nosso canal no YouTube. Precisamos fortalecer nossa luta contra o governo fascista de Bolsonaro.

Ajude nossa luta contra Bolsonaro, é só R$5 por mês. CLIQUE AQUI.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias