Quarta, 21 de Outubro de 2020
51993949307
Geral Celso de Mello

Celso de Mello prorroga por mais 30 dias inquérito sobre suposta interferência de Bolsonaro na PF

O decano do STF atendeu a pedido da PF para estender as apurações, que contou com parecer favorável da Procuradoria-Geral da República.

05/10/2020 15h14
Por: Folha Fonte: DCM
Arquivo Web
Arquivo Web

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu prorrogar por mais 30 dias o inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal, em despacho publicado na tarde desta segunda-feira.

O decano do STF atendeu a pedido da PF para estender as apurações, que contou com parecer favorável da Procuradoria-Geral da República.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu prorrogar por mais 30 dias o inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal, em despacho publicado na tarde desta segunda-feira.

O decano do STF atendeu a pedido da PF para estender as apurações, que contou com parecer favorável da Procuradoria-Geral da República.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O inquérito foi aberto em abril após declarações do então ministro da Justiça, Sergio Moro, contra o presidente. Isso motivou a saída de Moro do governo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias