Terça, 26 de Janeiro de 2021
51993949307
Geral Fagner

Arrependido, Fagner diz que sente o dever de criticar Bolsonaro por ter votado nele

O POVO traz nesta segunda-feira entrevista com Raimundo Fagner sobre seu novo disco, Serenata.

28/12/2020 12h03
Por: Folha
Arquivo web
Arquivo web

O POVO traz nesta segunda-feira entrevista com Raimundo Fagner sobre seu novo disco, Serenata. Na conversa sobre música, teve lugar para falar do assunto que atraiu as atenções nas primeiras declarações do músico para divulgar o álbum: as críticas ao governo Jair Bolsonaro. Fagner salientou que não se arrepende das posições políticas que tomou. “Não me arrependo por que fiz consciente. Eu me sinto no dever de criticar, até por ter votado.”

Ele também mencionou o fato de as declarações terem chamado mais atenção que o lançamento do disco. Ele disse que amigos sugerem que ele não fale de política, mas é algo que ele não consegue evitar.

Continua depois da publicidade

“Estou no meio desse tiroteio. Não me sinto bem, tenho amigo dos dois lados. Já fui muito aconselhado a não falar, mas eu sou cabeça dura.”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias