Quinta, 04 de Março de 2021
51993949307
Geral Manaus

Justiça determina: privilegiados de Manaus que furaram fila da vacina não terão direito à 2ª dose

Resta saber agora se a determinação atingirá às gêmeas milionárias e o filho do deputado bolsonarista

25/01/2021 03h46
Por: Redação Fonte: Revista Fórum
Gabrielle e Isabelle Kirk, médicas gêmeas imunizadas em Manaus (Foto: Redes Sociais/Montagem)
Gabrielle e Isabelle Kirk, médicas gêmeas imunizadas em Manaus (Foto: Redes Sociais/Montagem)

A Justiça Federal determinou que quem furou a fila da vacinação contra a Covid-19, em Manaus, não terá direito à 2ª dose no Amazonas.

A decisão foi assinada pela juíza Jaiza Maria Pinto Fraxe, na noite desse sábado (23). De acordo com ela, as pessoas que tomaram a 1ª dose de forma indevida podem ser presas em flagrante caso tomem a 2ª dose antes da chegada do grupo em que se enquadram.

Continua depois da publicidade

A prefeitura de Manaus ainda terá, de acordo com a determinação da juíza, que entregar a relação das pessoas vacinadas contra a Covid na cidade todos os dias até às 22h. A lista deve conter o nome, CPF e profissão das pessoas vacinadas até as 19h do dia, além do local onde a aplicação ocorreu. A multa diária em caso de descumprimento será de R$ 100 mil.

“O juízo não aceitará desculpas de qualquer privilegiado e […] desde já fica consignado que quem ‘furou a fila’ não terá o direito de receber a 2ª dose, até que chegue a sua vez, sem prejuízo de indenização à coletividade que foi lesada pelo artifício imoral e antiético”, disse a juíza em trecho da decisão.

Continua depois da publicidade

De acordo com a juíza, entre as pessoas que não deveriam ter recebido a vacina, estão quatro estudantes da área da Saúde cumprindo internato em hospitais públicos, dois advogados e um casal proprietário de uma empresa de alimentos.

Gêmeas milionárias e filho de deputado

Resta saber se a determinação irá atingir as gêmeas milionárias de Manaus, Gabrielle Kirk Lins e Isabelle Kirk Lins, que causaram polêmica na última terça-feira (19) após postarem no Instagram fotos tomando a vacina contra a Covid-19.

Continua depois da publicidade

Logo após, circularam em grupos de WhatsApp de profissionais da Saúde imagens da vacinação das duas acompanhada da nomeação, no Diário Oficial de Manaus. A de Gabrielle no dia 18 de janeiro, um dia antes do início da vacinação, como gerente de projetos da Secretaria Municipal de Saúde. A irmã dela foi nomeada no dia 19 de janeiro.

Além delas, foi a vez de David Dallas, filho do ex-deputado estadual Wanderley Dallas, arranjar seu lugar na fila.

Formado em dezembro de 2020 na universidade Nilton Lins, a mesma do pai das gêmeas, o médico bolsonarista foi vacinado contra o coronavírus nesta terça-feira (19).

Continua depois da publicidade

Com informações do G1

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias