Quarta, 22 de Setembro de 2021
51993949307
Geral Governo Bolsonaro

Elite começa a abandonar Bolsonaro e centrão discute pular do barco

O governo Bolsonaro tem sido um desastre e a elite econômica brasileira já tem dado claros sinais que está abandonando o barco

31/08/2021 08h08 Atualizada há 3 semanas
Por: Folha
Arquivo Web
Arquivo Web

O governo Bolsonaro tem sido um desastre e a elite econômica brasileira já tem dado claros sinais que está abandonando o barco. O manifesto da Febraban e da FIESP são duas comprovações. As pesquisas da XP Investimentos também mostram o quanto a Faria Lima não confia mais no presidente. E o Centrão tem sentido isso.

Conforme apurou o DCM, deputados que fazem parte dos partidos que apoiam o chefe do Executivo já discutem abandonar o governo. Eles entendem que a elite tem demonstrado cansaço em acreditar na gestão bolsonarista. Nem Paulo Guedes tem sido capaz de mudar a imagem negativa.

Continua depois da publicidade

Por sinal, Guedes é o principal responsável pelo cansaço da elite econômica. O ministro da Economia tem feito declarações sem sentido e fora da casinha. As falas são tão absurdas que até os bilionários do país estão assustados. O posicionamento sobre o aumento da conta de luz acabou caindo muito mal.

E os manifestos dos ricos estão vindo de vários lugares. Através de mensagens por interlocutores. Textos de instituições defendendo a democracia. Por pesquisas. Enfim, ninguém mais acredita nos planos de Bolsonaro. A elite acredita que ele nunca teve um de verdade.

Continua depois da publicidade

Centrão quer abandonar Bolsonaro

Por conta do discurso radical do presidente e a economia em frangalhos, o centrão percebeu que a classe rica do país cansou. E isso tem sido ouvido pelos deputados. Não à toa, já iniciou-se uma conversa para abandonar o presidente.

Gilberto Kassab largou mão há muito tempo. Líderes de outras siglas tentam se equilibrar com Bolsonaro até o fim do ano. Em 2022, com orçamento aprovado, a tendência é que chutem o chefe do Executivo. Ninguém mais confia no governante brasileiro.

Continua depois da publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias