Quarta, 22 de Setembro de 2021
51993949307
Geral Bolsonarista

Prefeito bolsonarista flagrado no aeroporto de SP com R$ 505 mil ia para Brasília financiar atos golpistas

Correligionário de Bolsonaro, Gilmar, conhecido como Gringo Loco, foi interceptado com o dinheiro vivo.

01/09/2021 14h49
Por: Folha
Arquivo Web
Arquivo Web

‌A CPI da Covid encaminhará ao STF a denúncia de que o prefeito de Cerro Grande – RS, flagrado em aeroporto de Congonhas tentando trazer mais de R$ 500 mil para Brasília para supostamente financiar o ato de 7 de setembro.

Correligionário de Bolsonaro, Gilmar, conhecido como Gringo Loco, foi interceptado com o dinheiro vivo.

Continua depois da publicidade

O político, no dia do flagrante pela Polícia Federal, em 26 de agosto, estava no aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

A PF contou que o dinheiro estava em caixas de papelão na bagagem de mão do passageiro.

Continua depois da publicidade

Ao ser surpreendido, Gringo Loco disse desconhecer o valor que carregava, para em seguida chutar R$ 1,4 milhão, mas sem explicar a origem do montante.

O dinheiro foi recolhido. E um procedimento investigativo será instaurado para apurar a origem.

Prefeito bolsonarista tenta se explicar

Continua depois da publicidade

Portar moeda nacional dentro do país, segundo apurou o G1, independentemente do valor, não constitui crime. Contudo, o portador deve saber justificar e comprovar a origem dos valores.

Gilmar João Alba foi eleito prefeito do município de 12,5 mil habitantes, recebendo 2,4 mil votos, na onda do bolsonarismo em 2020.

Nota da Prefeitura de Cerro Grande do Sul:

Continua depois da publicidade

“Boa Tarde, é possível que o prefeito possa vir ou não considerar fazer manifestação pública para expor seu ponto de vista sobre o ocorrido, porém o mesmo, se isso vir a acontecer, verá uma data e analisará quais ferramentas de comunicação irá se utilizar, agradecemos a oportunidade o espaço e qualquer novidade voltaremos a tratar.”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias