Terça, 26 de Outubro de 2021
51993949307
Geral Zambelli

Zambelli pediu repasse de R$ 400 mil a cidade cujo prefeito foi preso por desvios

Segundo a Polícia Federal, o crime era cometido por meio de contratos com organização social que administrava unidades na cidade.

16/09/2021 11h51
Por: Folha
Arquivo Web
Arquivo Web

Carla Zambelli pediu ao Ministério da Saúde que enviasse R$ 400 mil à prefeitura do Guarujá (SP) em 2020. Ontem (15), o prefeito da cidade, Válter Suman (PSDB) foi preso em flagrante por suspeita de desvio de dinheiro público justamente da saúde do município.

Segundo a Polícia Federal, o crime era cometido por meio de contratos com organização social que administrava unidades na cidade.

Continua depois da publicidade

O pedido ao ministério foi feito de julho do ano passado. No site da deputada, consta que a verba foi encaminhada após pedido seu. Ela alega o seguinte:

“Guarujá é um local que recebe muitos turistas e, apesar desse número ter reduzido devido à pandemia, precisamos ajudar a equipar a cidade para atender às demandas da população local e daqueles que frequentam a cidade”.

Continua depois da publicidade

Site da deputada ainda registra pedido de repasse:

Após prisão, Zambelli apagou vídeos que falavam sobre repasse

Continua depois da publicidade

Segundo Guilherme Felitti, programador da Novelo Data, a deputada apagou vídeos que fez falando sobre o repasse do Facebook e do YouTube.

Na plataforma de vídeos, Zambelli citava o nome do prefeito preso na descrição. “Agradeço ao Ministério da Saúde pela destinação da verba de R$ 400 mil, atendendo a meu pedido, para auxiliar no combate ao novo coronavírus. Agradeço também ao prefeito da cidade do Guarujá, Válter Suman, pelo vídeo carinhoso”, escreveu no vídeo que foi retirado do ar por ela.

Zambelli apagou vídeo no Facebook em que falava sobre o repasse

Continua depois da publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias